Lá como aqui, juventude atua em causas sociais

Os participantes do Mundial de Futebol de Rua tinham em comum pelo menos uma coisa: todos contribuem com o desenvolvimento social em seu país. Os integrantes da delegação do Peru, por exemplo, participam da organização Ruwasunchis, que atua em Manchay, uma comunidade no distrito de Pachacamac, Lima. Em 2006, pesquisa feita pela Fondo de Cooperación para el Desarrollo Social registrou que na região 75% da população não tinha serviço de abastecimento de água, 24% viviam sem eletricidade e a taxa de desnutrição entre crianças de 6 a 9 anos chegava a 12%.

Os índices melhoraram bastante desde 2006 graças à luta da própria comunidade e da atuação da Ruwasunchis que há oito anos e meio iniciou seu trabalho com crianças, mas hoje realiza diversas atividades de resgate da cultura, geração de renda, preparo para o mercado de trabalho e combate a violência doméstica com três diferentes públicos. São 120 crianças, 100 jovens e 30 mulheres.

Gabriela Koc, psicóloga e voluntária da instituição, garante que todo o trabalho desenvolvido no lugar segue a influência de três bases estratégias: acompanhamento psicológico – conhecer melhor a si, fortalecimento da comunidade – crescimento coletivo e consciência ambiental – preservar o meio em que vive. 

Juan Diego, o idealizador da Ruwasunchis, integrou a delegação do Peru junto com Gabriela Koc

Juan Diego, o idealizador da Ruwasunchis, integrou a delegação do Peru junto com Gabriela Koc

Vieram para o Brasil tanto jovens que estão na Ruwasunchis desde sua criação quanto outros que acabaram de entrar

Vieram para o Brasil tanto jovens que estão na Ruwasunchis desde sua criação quanto outros que acabaram de entrar

One thought on “Lá como aqui, juventude atua em causas sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>